Como funciona o Acesso aos medicamentos de alto custo via SUS?

Como funciona o Acesso aos medicamentos de alto custo via SUS?

Os pacientes que possuem diagnóstico de patologias que necessitam de medicamentos de alto custo, costumam ter muitos obstáculos para acessar seus medicamentos, principalmente se for via sistema público (SUS).

Em um fluxo comum, o paciente agenda uma consulta, realiza exames, tem seu diagnóstico, coleta a documentação necessária, entrega a documentação nos polos de dispensação, aguarda um aceite do polo e tendo o ok, recebe o medicamento e inicia o tratamento.

Na prática, esse processo é muito mais complexo! 

Quando o paciente tem a prescrição de um medicamento de alto custo e tenta acessar via SUS, é necessário seguir alguns protocolos da secretaria estadual da localidade onde o paciente reside, além de reunir outros documentos complementares, que são:

  • LME – Laudo de Medicamento Especializado 
  • Termo de responsabilidade (se obrigatório pela LME)
  • Laudos de exames e documentos conforme PCDT – Protocolos Clínicos e Diretrizes Terapêuticas – documentos que estabelecem critérios para o diagnóstico da doença ou do agravo à saúde;
  • Cópia do cartão nacional do SUS;
  • Cópia dos documentos pessoais;
  • Autorização de terceiros (caso o paciente precise que outra pessoa realize o processo)

Reunir toda essa documentação é um tramite desgastante para o paciente, visto que são muitos detalhes a serem seguidos os quais ele desconhece por falta de orientação, por exemplo: no preenchimento da LME não pode ter rasuras ou cores diferentes de caneta, uma parte é de preenchimento do paciente e a outra do médico (nem sempre o paciente ou médico tem essa informação), toda a prescrição via SUS deve ser feita com o princípio ativo e não o nome do medicamento, dentre tantos outros detalhes.

A Azimute Med promove programas voltados para o Acesso via SUS. Os nossos Analistas de Acesso verificam caso a caso e personalizam o atendimento dos pacientes que necessitam de apoio e orientação para o preenchimento de toda a documentação.

Ter esse apoio é vantajoso tanto para o paciente quanto para o médico, veja:

  • Através da nossa orientação, analisamos a aderência da prescrição aos PCDTs;
  • Verificamos qual é o polo de dispensação mais próximo do paciente para a entrega da documentação;
  • Orientamos pacientes e médicos no preenchimento dos protocolos e renovações de LME;
  • Mapeamos as peculiaridades da secretaria estadual local;
  • Otimizamos o tempo de acesso (sem o nosso apoio, o paciente pode demorar cerca de 3 vezes mais do que com a orientação do programa);
  • Ajudamos a evitar a judicialização;
  • Facilitamos a vida do paciente caminhando com ele por todo este processo de forma empática e carinhosa.

Iniciar o tratamento é ter esperança de uma vida melhor, de ficar mais tempo ao lado de quem amamos e de poder ter mais qualidade de vida.

A Azimute Med e seus clientes caminham nesta jornada com os pacientes neste serviço cheio de propósito!

Para mais detalhes, clique aqui.

Deixe um Comentário:

Your email address will not be published.

Visit Us On FacebookVisit Us On YoutubeVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram