Blog

Pioneirismo em Diagnóstico

Azimute Med: pioneirismo e referência em serviços de diagnóstico aos médicos e pacientes

Conviver com uma doença rara é uma jornada difícil e de grande aprendizado, que já começa pelo desafio na busca de um diagnóstico correto.

Segundo o Ministério da Saúde, o diagnóstico de uma doença rara pode levar em torno de 7 anos. Além disso, em média, um paciente passa por 7 diferentes especialistas e recebe até 3 diferentes diagnósticos. No caso de pacientes oncológicos, a cada dia se torna mais importante a medicina de precisão, com exames mais seletivos para mutações específicas de um gene associado à uma patologia.

A medicina diagnóstica avançou muito recentemente e a Azimute Med faz parte dos últimos 10 anos dessa evolução, proporcionando por meio de nossos serviços, o acesso à exames diagnósticos modernos, com velocidade, comodidade e segurança a médicos e pacientes.

Especialistas no assunto participaram de um debate sobre o tema em nossa LIVE Desafios do Diagnóstico Precoce no Tratamento de Doenças Raras e Oncológicas. Assista algumas partes do bate-papo:

 

Amanda Acerbi | Gerente Regional de Medicina de Precisão – LATAM | Janssen Pharmaceutical Companies da Johnson & Johnson.

Dr. Roberto Giugliani | Professor Titular do Departamento de Genética da UFRGS | Médico Geneticista do Hospital de Clinicas de Porto Alegre | Co-Fundador da Casa dos Raros.

Acesse a LIVE completa: